domingo, 21 de junho de 2009

Ei amor, dorme bem

Tempos difíceis esses em que meu corpo grita por você. Tempos difíceis demais esses em que me deparo encurralada e já nem sei o que pensar. Diz para mim se devo confiar, se devo dar mais uma chance depois de tanto. Já despenquei e você não sabe, não sabe dessas dores que ficaram marcadas, cicatrizes que ardem. Nem te interessa também, não há nada que você precise saber, a não ser o fato de que nunca senti isso. Nunca, nunca mesmo me senti tão plena. Tão segura de mim mesma. Fiquei em dúvida algumas vezes, nem sabia que coisa era essa que se fazia dentro de mim. Pequena, depois aumentou. Tempos difíceis, esses em que te desejo o tempo inteiro. Esses em que descubro você em cada passo meu, em cada palavra e em cada nota mental. Veja meu amor, se ainda consigo respirar. Se ainda me restam forças para lutar, contra tudo que você fez. Contra o amor o que você plantou. E vim tentando renegar, ser forte e encarar. Mas chegou ao limite e tenho que dizer que não há palpite. Já não cabe mais em mim todo esse amor, já não consigo passar um dia sem lembrar, que existe você. Fico tão quieta pensando em você, dormindo tão tranquilo, tão lindo. E queria tanto te fazer carinho, te dar beijinhos. Pula minha janela, aparece aqui de madrugada, entra sem que ninguém te escute e deita. Deita do meu lado e fica. Dorme tranquilo comigo, respira no meu ouvido, me deixa encantada, ainda mais apaixonada. Dorme comigo nos seus braços, me deixa deitar na sua pele quente e macia. A sua tranquilidade, se parece tanto com a minha...

14 comentários:

  1. "E vim tentando renegar, ser forte e encarar."
    Amei!
    rs

    ResponderExcluir
  2. "Tempos difíceis, esses em que te desejo o tempo inteiro."
    Que lindoooo!!

    :)

    ResponderExcluir
  3. Ah o amor...Essa 'coisa' indefinida...

    Mto liindo o texto!

    Bjão ^^

    ResponderExcluir
  4. AMOR...
    Os outros sentimentos que ele disperta, sempre imprevisíveis.. alguns bons e outros ruins..
    * Lado bom: "Nunca, nunca mesmo me senti tão plena. Tão segura de mim mesma."
    * Lado ruim: "despenquei e você não sabe, não sabe dessas dores que ficaram marcadas, cicatrizes que ardem"

    ResponderExcluir
  5. Uau, que "quente" o seu texto...
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. querida, também sou do TDB.. preciso falar contigo.. se você não chegou a receber meu recado, me avisa no orkut, o link tá no meu blog (:

    ResponderExcluir
  7. Nhai, seus textos são assim, tão lindos...
    sempre fico emocionada qd os leio..
    bjusss

    ResponderExcluir
  8. Lindo, Gá.
    Simplesmente sincero :)

    =*

    ResponderExcluir
  9. meu deuuuuuus adoro tudo que vc escreve. demais.

    ResponderExcluir
  10. Parabés pelo teu blog, o texto ficou muito bm1
    acessem:
    http://www.atelierdosofa.com.br/
    http://www.fortalpiscinas.com.br/
    http://www.namp.com.br/
    http://www.contabilidademantiqueira.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Awn, que texto MAIS fooooofo *-*

    E esqueci de falar: AMEI esse layout novo :)

    ResponderExcluir
  12. Amei!
    "Já não cabe mais em mim todo esse amor.."
    [Sei bem]

    Beijos

    ResponderExcluir
  13. como sempre, vc arrasa nos seus textos. amo a forma como vc escreve (:

    ResponderExcluir
  14. Muito lindo o texto. vc ta de parabens

    ResponderExcluir